sábado, 25 de julho de 2009

de tudo, de um todo.

É quase fim de Julho .. ansiedade pro fim do ano e ao mesmo tempo medo dele : como um misto de nãoseioque com borboletas no cerebro.
Vontade louca de pegar a Linha 2 e sair por ai.. olhando pela janela do metrô, comendo chocolate.
ai ai .
Asho qe são tres da manhã e ta um frio desgramento. Faço qestão de repetir a minha cartilha pra Fabi sobre as coisas qe se devem ou não fazer , mas asho qe ela gosta de arriscar a felicidade ..rs. Somos pessoas opostas , completamente diferentes e nos damos incrivelmente bem. Estranho isso.


To terminando o livro qe começei semana passada : A cidade do sol do Khaled Hosseini.
O livro é incrivel . Recomendo.
Asho qe hoje mesmo ainda termindo ele . To curiosa pro fim.

' Marian desejou muitas coisas nesses momentos finais . Assim que fechou os olhos,porém, as tristezas se foram e tudo o que sentiu foi uma imensa paz se abater sobre ela. Pensou em sua chegada a este mundo, a filha harami de uma aldeã humilde, algo qe não foi desejado, que não passou de um lamentável acidente. Era uma erva daninha. E , no entanto , estava deixando esse mundo como uma mulher que tinha amado e sido amada. Deixava esta vida como amiga, companheira, protetora. Como mãe . Finalmente, alguém importante. Não. " Não " , pensou Marian , " não era tão ruim morrer desse jeito ". Não era mesmo. Era um fim legítimo para uma vida que começou de forma ilegítima. '

Sem fotos hoje né .
Chuva de Beijocas :*

Nota: O Blog não sabe ver hora.

Um comentário:

Fabiane disse...

Não acredito muito em Cartilhas, ou lista de regras...etc
E eu quase babei no teclado lendo o comentário que me enviou. ^^
Sim, eu aposto na felicidade e sei que você aposta também... vc sabe...rs
E se qualquer coisa acontecer, vinhos e muitas risadas.... faz o dia seguinte nascer azul, tudo acaba se ajeitando de um jeito que, sim ou não, gostamos.