terça-feira, 13 de outubro de 2009

Nunca mais na vida.

E eu quero que a felicidade bata em em seu peito
Como uma manhã ensolarada de domingo, o sol entrando pela janela ...
Eu quero que a felicidade te encontre
Como um riso de criança perdido
Quando o caos da cidade quer te abduzir .

Eu quero teu melhor sorriso
A tua mão estendida nos ombros dela.
Os olhos flamejando de desejo por aquela simplicidade
O corpo transbordado de vontade.
Quero que suspire enquanto pensa em vocês .

Que as fotografias não se apaguem
Que a música de vocês , não deixe de tocar
Que os olhos não se esqueçam das linhas do rosto , das curvas do corpo
Que não seja utopia , não minta .
Que a vida lhes permita viver de verdade
A felicidade a dois.

Nenhum comentário: